GERAL

Motorista que ficou ferida ao bater carro em árvore morre no hospital



A auxiliar administrativa Patricia Faria Fernandes, de 34 anos, natural da cidade de Amaporã, morreu hoje a tarde na UTI do Hospital Bom Samaritano. Patricia ficou gravemente ferida, em um acidente de trânsito registrado ontem (quinta-feira/28) a noite em Maringá. Ela conduzia um automóvel que chocou-se violentamente contra uma árvore. A motorista sofreu trauma abdominal e de tórax. Ela trabalhava em um frigorífico aviário situado as margens da BR-376, na saída de Maringá para Paranavaí.

O corpo da moça passou pelo Instituto Médico Legal e por volta das 16h00, foi trasladado para a cidade de Amaporã. O ACIDENTE Duas mulheres foram socorridas em estado grave, após se envolverem em um acidente de trânsito registrado na noite desta quinta-feira, 28, no perímetro urbano de Maringá. As vítimas que a princípio não portavam documentos, ocupavam um veículo modelo Hyundai Creta com placas de Maringá. O acidente do tipo auto x anteparo, ocorreu na Avenida Brasil, na região conhecida como Maringá Velho. A motorista do automóvel, perdeu a direção do mesmo em uma rotatória, vindo a chocar-se violentamente contra uma árvore. O impacto foi extremamente violento. O dispositivo de segurança airbag foi acionado, mas mesmo assim as duas moças sofreram ferimentos considerados graves. O quadro mais crítico era da motorista que sofreu trauma de tórax, além de outras lesões. Ela estava inconsciente.

A condutora foi atendida por equipes do Siate e Samu, e logo na sequência transportada até o Hospital Bom Samaritano. Já a passageira foi estabilizada e encaminhada ao HU. Para atender as vítimas, foram mobilizadas diversas equipes de resgate, além de dois médicos intervencionistas do Samu. A delegacia especializada em acidentes de trânsito, irá apurar as circunstâncias do ocorrido. Corujão Noticias




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM