COLUNAS



POLITICAGEM

com


Kim Rafael


Avatar Kim Rafael
QUEM CALA CONSENTE



Imagem[1]
 
Temos aqui duas vertentes de extermínio e extremismo.
 
A primeira é marcada por vingança e ressentimentos. Falamos do nazismo, que aliás é considerado crime esboçar qualquer apologia... mais de 40 milhões de pessoas mortas.[2]
 
A outra vertente, é considerada um ideal, que não é crime, e mesmo mantando mais de 100 milhões de pessoas[3] não é considerado crime. Inclusive temos no Brasil partidos e movimentos endossados por muitos políticos que fazem apologia a este tipo de extremismo.
 
Agora, Cuba e Venezuela são assuntos do momento. A ditadura que assola estes países é defendida pelo ideal comunista. Até quando o globalismo calará a ONU, EU, UIT, OMC, CICV, UNASUL, UNESCO, UNICEF?
 
Até quando os revolucionários serão mais interessantes que os militares?
 
A morte do bem é exterminar o ideal conservador, o qual defende os diretos da família, da liberdade privada, do livre mercado, da liberdade de expressão, da imprensa, de manifestação... já exterminar o ideal comunista, para eles, é fascismo. Que seja então...
 
Esta guerra há de ter um final.
 
Esperamos que as armas para defesa, esteja nas mãos certas.
 
#SOSCUBA #LIBERDADECUBANA #LIBERTACUBA
 
Tudo para eles, os progressistas, é sinal de rejeição, vitimização, justificação, mas nunca, nunca serão responsáveis pelos seus atos. Um exemplo para ilustração: se o assaltante lhe tirar tudo que tem, a culpa será do Estado, da desigualdade social e sua. Mas jamais será do assaltante. Falta-nos autoresponsabilidade.
 
É isso que eles querem... acabar com a desigualdade se justificando para roubar, furtar e matar...
 
Os interesses daqueles que detém o poder nas mãos, vão muito além do caviar de segunda-feira. O domínio sobre tudo e todos faz parte do ideal comunista.
 
Lembra dos 100 milhões de mortes ocasionados pelo extremismo comunista? Faz parte do ideal deles... se continuar assim, faremos o mesmo com eles. Exterminar o mal com o mal?
 
A Anistia Internacional condenou a repressão da ditadura comunista. "Pessoas foram feridas por tiroteios policiais, prisões arbitrárias, ameaças e ataques a jornalistas, incluindo um fotógrafo da agência AP, uma forte presença militar nas ruas e um governo intolerante", disse Erika Guevara Rosas, diretora da Anistia Internacional para as Américas, na noite deste domingo.
 
Nas redes sociais, o apoio aos cubanos que clamam por liberdade é enorme. Já são quase 2,5 milhões de tweets, a imensa maioria torcendo por uma Cuba livre.
 
Já os comunistas espalhados pelo mundo tomam o partido da tirania assassina criada pela família Castro, o ídolo de Lula. É o caso do MST, o braço armado do PT no campo:
 
 
Observem o que se passa em Cuba – ou tentem, pois, a tirania comunista cortou a luz e a internet já limitada e capenga – e entendam por que todo totalitário quer desarmar o povo. Arma é liberdade! Milhões de escravos desarmados estão à mercê de milicianos lulistas, sem chance de defesa.
 
Cadê os globalistas?
 
 
 
 

[1] www.psdb.org.br/mulher/files/2016/12/charge-cuba.jpg
[2] www.terra.com.br/...s-do-mal-01.htm
[3] www1.folha.uol.com.br/fsp/1997/10/31/mundo/14.html

Sobre Kim Rafael

Colunista


Sobre a Coluna

POLITICAGEM



COMENTÁRIOS